Um adolescente de 17 anos foi preso e confessou ter atraido, por meio de redes sociais, mulheres sob falsa promessa de trabalho, para então as roubar, estuprar e agredir. Uma das vítimas foi assassinada. Os crimes ocorreram na Grande Belém, entre os dias 4 a 11 de janeiro.

De acordo com a polícia, o primeiro caso da série de crimes foi cometido no dia 4 de janeiro, em que o adolescente teria roubado e estuprado uma mulher. O segundo crime foi uma tentativa de roubo e estupro, cometido no dia 7 de janeiro. A vítima conseguiu fugir após lutar com o adolescente.

A terceira vítima, Samara Duarte Mescouto, estava desaparecida desde sexta-feira (10) e o corpo foi encontrado na noite de domingo (12). No sábado (11), duas irmãs foram atacadas. Uma delas conseguiu fugir e registrou o boletim de ocorrência na seccional de Marituba. A outra vítima, uma jovem de 17 anos foi encontrada na área de mata após ser violentada e está internada em estado grave no Hospital Metropolitano, em Ananindeua.

Em seu depoimento perante o Ministério Público, o adolescente confessou o estupro e roubo de duas vítimas, bem como a lesão corporal e roubo de uma terceira vítima. Em relação ao homicídio da quarta vítima, disse que apenas ajudou a atrair e a esconder o corpo.

Foram protocoladas nesta tarde pelo Ministério Público três representações, sendo duas por estupro e roubo e uma por latrocínio, requerendo à Justiça seja decretada a internação provisória do adolescente até o final dos três processos, bem como a celeridade processual do caso.