A comissão organizadora do concurso público de servidores do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) informou que os candidatos inscritos no certame têm até o dia 10 de setembro para efetivar o pagamento da taxa de inscrição.

As inscrições, conforme estabelecido no edital do concurso, foram encerradas no dia 21 de agosto, às 18h (horário de Brasília).

Por meio do concurso público, o Judiciário Estadual oferta 160 vagas, sendo 140 para o cargo de Assistente Judiciário (Nível Médio) e 20 vagas para o cargo de Analista Judiciário (Nível Superior).

Para o cargo de Assistente Judiciário, a taxa de inscrição foi fixada em R$ 90,00 e para o cargo de Analista Judiciário, em R$ 150,00.

A comissão organizadora também comunicou que antes do dia 10 de setembro (prazo limite para o pagamento da taxa de inscrição), o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos/Cebraspe divulgará a lista de candidatos que tiveram os pedidos de isenção do pagamento da referida taxa deferidos. A relação constará no endereço eletrônico: www.cebraspe.com.br

Concurso público

Com provas previstas para ocorrer no próximo dia 13 de outubro, o concurso público disponibilizará 160 vagas, além da formação de cadastro de reserva.

Conforme edital, as vagas de Analista Judiciário (Nível Superior) são todas para Manaus e das 140 vagas para o cargo de Assistente Judiciário (Nível Médio), 127 foram designadas para atuação na capital e 13 vagas para o interior.

Para o interior, das 13 vagas, 7 foram destinadas para a Sub-Região do Alto Solimões (abrangendo as Comarcas de Atalaia do Norte, Benjamin Constant, São Paulo de Olivença, Santo Antônio do Içá, Tabatinga e Amaturá) e 6 vagas para a Sub-Região do Baixo Amazonas (abrangendo as Comarcas de Parintins, Barreirinha, Boa Vista do Ramos, Nhamundá, São Sebastião do Uatumã e Urucará).

Aos candidatos inscritos, o Cebraspe disponibilizou dois contatos telefônicos para informações sobre o certame: 0800-722-1125 (de ligação gratuita), (061) 3448-0100, além do e-mail sac@cebraspe.org.br.