A entrevista coletiva de Vanderlei Luxemburgo após a vitória do Vasco por 1 a 0 sobre o Fortaleza foi dedicada em boa parte a argumentos sobre a essência do futebol brasileiro e como o talento deve prevalecer em relação ao rigor tático. Tudo isso por causa de um nome: Talles Magno. O jogador deu umas lambretas em cima dos atletas do Fortaleza e causou dentro de campo, na vitória por 1 a 0 em Sã Januário. “Não foi nada de abuso, não. Eu estava na direção do gol. Não tentei humilhar ninguém. Era um recurso para ganhar tempo, porque precisávamos dessa vitória. Precisava ficar um pouquinho no chão. Passou pela minha cabeça e eu fiz. Mas respeito muito o Fortaleza e todos que estão ali – disse o garoto após o jogo.

O Gol de Pikachu trouxe mais alívio ao time, que já ultrapassou o Botafogo na tabela e agora pode tentar até pensar em uma vaga na Sul-Americana. “Estamos no caminho certo. Só não podemos perder o foco e manter essa média, para depois ampliar a pontuação e pensar em coisas maiores”, disse Luxemburgo.