Um aluno de 14 anos foi apreendido após fazer ameaças de morte a uma professora que o impediu de usar o celular durante a aula. O caso aconteceu na manhã desta sexta-feira (24), na escola Abílio Nery, avenida Torquato Tapajós no Bairro Da Paz, na Zona Centro-Oeste de Manaus.

De acordo com os policiais militares da 17ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que atenderam a ocorrência, o aluno L.A.B.S., do 8° ano do Ensino Fundamental, foi levado a diretoria pela professora que tentava dar aula e o menino não largava o celular; o mesmo foi chamado atenção algumas vezes antes de ser levado a sala do diretor.

Na diretoria o garoto teve o celular recolhido, que seria entregue após o término da aula. No entanto ele ficou agressivo e disse que traria uns amigos para matar o diretor e todo mundo da escola que o aparelho não fosse devolvido.

O jovem foi levado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), para prestar esclarecimento.