A equipe de investigação da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), prendeu, em flagrante, na noite de quarta-feira (16/08), por volta das 20h, Gilvan Costa dos Santos, 44, denunciado por ter abusado sexualmente e possuir fotos pornográficas de uma adolescente de 12 anos. O infrator foi preso em via pública no bairro Zumbi dos Palmares, zona leste da capital.

De acordo com servidores que atuam na Depca, na data supracitada o infrator marcou um encontro com a adolescente que, por estar sendo ameaçada pelo infrator, aceitou ir. Na ocasião, a vítima ligou para a unidade policial informando o crime e que o encontro seria na rua Canari, bairro Zumbi dos Palmares. Então, imediatamente, os policiais civis se deslocaram até o lugar indicado.

Conforme os policiais da especializada, Gilvan foi preso em via pública e levado para a unidade policial. Ao analisarem o celular dele, foi encontrado fotos em que a vítima estava nua. Em termo de declaração, a adolescente relatou que vinha sendo abusada sexualmente pelo infrator desde os seis anos, naquele tempo eles eram vizinhos. A vítima não contava nada aos pais, pois sofria constantemente ameaças do homem.

Flagrante – Gilvan foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável e adquirir, possuir ou armazenar foto, vídeo com criança ou adolescente. Ao término dos trâmites cabíveis da especializada. O homem será levado para audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul de Manaus.

Disque-Denúncia – Para concluir, a Depca pede às pessoas que presenciem qualquer situação de violência ou abusos contra crianças ou adolescentes, para denunciarem ao número 100, o disque-denúncia do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, ou procurem o prédio da especializada, situado na avenida Via Láctea, conjunto Morada do Sol, bairro Aleixo, zona centro-sul de Manaus, para formalizar a ocorrência.