Policiais militares da Força Tática agiram rapidamente e conseguiram impedir assalto a um empresário que acabara de sacar da agência do Banco Bradesco localizado na Avenida Loris Cordovil, bairro Alvorada, a quantia de R$ 250 mil, que segundo informações preliminares, seria de uma Construtora e serviria para efetuar o pagamento de funcionários.

A vítima não teve seu nome revelado pela polícia. A “saidinha de banco”, como é conhecida a ação dos bandidos, resultou na prisão em flagrante do auxiliar de pedreiro e ex-presidiário Rayloan da Silva Timótio, 23 anos, que estava portando um revólver calibre 38 com seis munições intactas.

De acordo com as informações do Capitão da Força Tática, Paulo Furtado, a viatura estava realizando patrulhamento no bairro Alvorada, quando perceberam a ação do assaltante e agiram rapidamente. “Foi tudo muito rápido, nossa equipe percebeu a ação do infrator e realizou logo a abordagem. Ele já tinha subtraído a bolsa com o dinheiro do empresário e estava pronto para fugir, mas nossa equipe logrou êxito e evitou que o pior acontecesse”, relatou Furtado.

Pessoas próximas ao local presenciaram a tentativa de assalto e ainda chegaram a espancar Timótio que precisou receber atendimento médico no local. Furtado informou que possivelmente mais duas pessoas estariam participando da saidinha de banco. “Ele com certeza não estava sozinho, tinha alguém aqui do lado de fora aguardando para ajudar na fuga e ao perceber a ação da polícia, fugiu do local”, disse.

No 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), para onde foi levado, Timótio informou que já foi preso por roubo outra vez e que não devia nada pra justiça. “Passei três anos presos, paguei toda minha dívida com a justiça. Agora aconteceu novamente e vou ter que voltar pra cadeia”, declarou