O IML (Instituto Médico Legal) confirmou hoje o nome de dez mortos no incêndio que atingiu ontem o Hospital Badim, no Maracanã, na zona norte do Rio de Janeiro. Todos estes eram idosos e tinham de 66 a 96 anos. O fogo teve início no fim da tarde de ontem, pouco antes das 18h, quando o prédio começou a ser tomado pelas chamas. Uma fumaça preta e espessa pôde ser vista de longe por moradores da região. Segundo o hospital, a causa mais provável do incêndio seria um curto-circuito.

Veja quem são os mortos identificados:

Luzia dos Santos Melo, 88

Irene Freitas, 83

Maria Alice Teixeira da Costa, 75

Virgílio Claudino da Silva, 66

Ana Almeida do Nascimento, 95

Berta Gonçalves Berreiro Sousa, 93

Marlene Menezes Fraga, 85

Alayde Henrique Barbieri, 96

Darcy da Rocha Dias, 88

José Costa de Andrade, 76

A diretora do IML (Instituto Médico-Legal) do Rio, Gabriela Graça, afirmou, na tarde de hoje, que nenhuma das dez mortes no incêndio no Hospital Badim, na tarde de ontem, teve como causa queimaduras. Segundo ela, as necropsias identificaram que parte das vítimas morreu de asfixia, enquanto outras tiveram complicações por conta do desligamento de aparelhos que as mantinham vivas.