Pistoleiro na cadeia

//Pistoleiro na cadeia

Alexsandro Oliveira dos Santos, 32, conhecido como ‘Sandrinho’, foi apresentado na manhã desta quinta-feira (7), na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o acusado tem 14 homicídios ocorridos na capital. Conforme o delegado Juan Valério, o infrator comandava o tráfico de drogas nos bairros São Jorge e Vila da Prata, ambos na zona Oeste de Manaus.

O acusado foi preso na tarde desta terça-feira (6) no Centro da cidade, em cumprimento de mandado de prisão preventiva pela autoria da morte de Clerton da Silva Menezes, chamado de “Bombinha”, o crime ocorreu no dia 87 de novembro de 2016, e, durante depoimento, o homem confirmou a morte de 13 pessoas, no qual ele mandava matar, ou ele mesmo matava.

Alexsandro foi indiciado por homicídio qualificado e organização criminosa. Ao termino dos procedimentos cabíveis ele será encaminhado para o Centro de Detenção Provisório Masculino (CDPM) onde ficará guardado por algum tempo.

Não se esconderam por muito tempo

Foto: Divulgação

Os tiras da Polícia Civil do Amazonas, por meio de ação integrada envolvendo servidores lotados no 6º e 27º Distritos Integrados de Polícia (DIPs) e Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), prendeu em flagrante, na tarde desta quarta-feira (7/), por volta das 13h30, o operador de máquinas Ismael de Andrade Souza, 29, o “Bombado”, e apreendeu um adolescente de 16 anos, envolvidos no homicídio do eletricista Nelson Guilherme Melo da Silva,51, ocorrido na noite de terça-feira (6), no bairro Cidade Nova, zona Norte da capital.

Conforme o delegado Jeff David Mac Donald, titular do 6º DIP, o crime aconteceu entre 22h30 e 23h, em um salão de beleza que funciona no terreno da casa da ex-companheira da vítima, na rua Gavião Bueno, Comunidade Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, bairro Cidade Nova, zona norte. Conforme a autoridade policial, Nelson veio a óbito após ser atingido por golpes de faca e pauladas na cabeça.

De acordo com o delegado, Ismael confessou a participação na morte do eletricista e indicou a localização do comparsa, o adolescente de 16 anos.  O homem foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e corrupção de menores. Ele levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis. Já o adolescente vai responder por ato infracional análogo ao crime de homicídio e foi encaminhado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde serão adotadas as medidas cabíveis. Marcela está sendo procurada pela Justiça.

Seaop desarticula oficina de fabricação de armas

Foto: Divulgação

A Secretaria de Estado de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), por meio da Secretaria Executiva-Adjunta de Operações (Seaop), realizou através de denúncia anônima a prisão de Marioilson Evangelista, 41, por fabricação e adaptação ilegal de arma de fogo em uma metalúrgica localizada no bairro Tancredo Neves, zona leste da cidade.

Foram apreendidas uma carabina de airsoft, que estava sendo transformada em um fuzil calibre 556, uma arma caseira dois canos calibre 12, munição calibre 556 (calibre intacto), 40 munições, quatro cartuchos calibre 12, um cartucho deflagrado, tambor de revolver calibre 38 e um aparelho celular.

Marioilson foi encaminhado ao 14° Distrito Integrado de Polícia (14° DIP), localizado na zona leste da capital, para as medidas cabíveis. O mesmo já tem passagem pela polícia por tráfico de drogas em 2014 e estava em liberdade condicional.

“Preto” foi parar na cidade do cão

Foto: Divulgação

Damião Tenório Sales, conhecido como “Preto” de 25 anos, foi preso, na tarde desta quarta-feira (7), pelo crime de furto, no município de Humaitá, interior do Amazonas. Segundo informações da Polícia, os tiras foram acionados após uma denúncia para o 190 sobre um furto que havia acontecido em uma residência localizada na Rua Escondidinho, bairro São Cristóvão.

De acordo com a dona da residência, Vanessa Marques dos Santos, 31, a vítima chegou em casa por volta das 23h de terça-feira (6), e percebeu que o logradouro estava arrombado e que havia sido furtado (01) um mostruário com várias semi-jóias. A vítima informou também que o autor do furto seria um indivíduo muito conhecido no meio policial, o vulgo “preto”, pois alguns vizinhos de Vanessa avistaram “preto” portando o objeto furtado.

 Diante das informações, a guarnição realizou diligência até casa do acusado localizada na rua Gaúcha, bairro São Francisco e com a devida autorização da sua genitora adentrou na residência e encontrou “preto” que foi reconhecido. Ao ser questionado sobre o furto, Damião confessou a prática delituosa e entregou todas as semi-joias. Diante da situação, o acusado Damião foi conduzido e apresentado na 8º Delegacia Integrada de Humaitá (DIH) onde está à disposição da Justiça.

Não adianta fugir dos Ursinhos

Foto: Divulgação

Os Ursinhos Carinhosos da Ronda Ostensiva Cândido Mariano, prenderam, através de uma fofoca básica, Mateus da Silva Santos, 24, portando uma arma de fogo, a prisão aconteceu no bairro Cidade de Deus, zona Leste de Manaus, na noite desta quarta-feira (7).

A equipe ao chegar no local avistou o indivíduo que tentou empreender fuga da equipe, que em ato continuo o capturou dentro de sua residência. A guarnição fez uma revista na residência do nacional encontrando uma arma calibre 36 com 1 munição.  O mesmo foi conduzido para o 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP) para os procedimentos legais.

Casal fora de circulação

Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação do 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando do delegado Jeff David Mac Donald, titular da unidade policial, prendeu em flagrante, na manhã desta quarta-feira (7), o casal Kevinton Figueiredo Portilho, 20, conhecido como “Kevin”, e Thayza de Sousa Silva, 19, a “Morena”, em posse de arma de fogo, munições, drogas e dinheiro oriundo da venda de substâncias ilícitas.

De acordo com a autoridade policial, as prisões de Kevinton e Thayza aconteceram às 10h, na casa onde eles moravam, na segunda etapa do Conjunto Riacho Doce, bairro Cidade Nova, zona norte da capital. Mac Donald ressaltou que os policiais civis chegaram até o casal após o recebimento de delação, feita ao número (92) 99184-4434, o disque-denúncia da unidade policial, informando a comercialização de drogas e a utilização de uma arma de fogo pelos infratores no endereço supracitado.

Kevinton e Thayza foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, os infratores serão levados para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da cidade.

 

2018-02-08T12:37:56+00:00fevereiro 8, 2018|Boletim de Ocorrência|0 Comentários