Nesta sexta-feira (29), a CBF decidiu que a partida entre Palmeiras e Flamengo, hoje, terá apenas torcida do Palmeiras. O clube paulista disse ao MP que a presença dos torcedores rivais poderia ocasionar brigas. O Flamengo emitiu nota de repúdio, mas o fato é que só haverá palmeirenses no estádio nesta tarde. 

Na sexta-feira (29), após um pedido do Ministério Público de São Paulo e da PM, a CBF determinou que a partida fosse realizada com torcida única, apesar de não concordar com a medida. A Polícia Militar afirma no ofício encaminhado para a Federação Paulista de Futebol que recebeu nos últimos dias informações sobre possíveis “emboscadas perpetradas por torcedores do Palmeiras às caravanas dos torcedores flamenguistas”, que poderiam ocorrer no trajeto dos flamenguistas até São Paulo, especialmente na estrada. Fato que sofreu críticas por parte do presidente do STJD.

E nota o Palmeiras jura que não te nada a ver com a decisão. “No entanto, a segurança é um bem maior a ser preservado, e a Polícia Militar e o Ministério Público são as autoridades competentes para avaliar as condições de segurança de um evento, até porque são agentes ativos no processo.

O Palmeiras não tem elementos técnicos para avaliar ou julgar as medidas de segurança recomendadas pela Polícia Militar ou Ministério Público e irá respeitar as orientações das autoridades competentes e da CBF.