Após realizar uma manifestação na frente da sede do Governo do Estado, o presidente do Sindicato da categoria disse que vai se reunir com as autoridades em segurança no Estado. Givancir Oliveira foi recebido por representantes do governo. “A polícia precisa prender e identificar esses marginais. Precisa ser montada uma força tarefa e isso nos foi prometido”, disse.

Ele disse que as imagens das câmeras de segurança dos ônibus identificam os bandidos e que portanto “é possível prender os marginais. São mais ou menos uns 50, não são muitos, são sempre os mesmos”, falou. Givancir disse que a polícia não investiga os casos, apenas quando os assaltos terminam em morte. Neste sábado Givancir vai se reunir com representantes do Governo para que seja apresentado um plano de segurança dentro dos transportes tanto para rodoviário quanto para os passageiros. A reunião será na Secretaria de Segurança Pública, às 9 horas da manhã.