Serviços de mamografia mamografia terão até 60 dias para implementar seus Programas de Garantia da Qualidade (PGQ). A Vigilância Sanitária (Visa Manaus), órgão ligado à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), deu início, esta semana, à fiscalização dos 35 serviços cadastrados com esta atividade para verificar os que têm PGQ e cobrar, dos que não têm, uma data limite para a criação e implementação do Programa.

De acordo com a Visa, a exigência tem como finalidade garantir a qualidade de imagem das mamas para o correto diagnóstico e manter adequada a dose de radiação à qual as mulheres são expostas durante o exame.Além de identificar a existência do PGQ nos serviços de mamografia, os fiscais da Vigilância já colheram, em ação conjunta com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), amostras de imagens clínicas e laudos para análise quanto às variáveis “qualidade da imagem” e “dose de radiação”.

O não cumprimento da exigência pode levar a penalidades previstas na legislação, incluindo multa e interdição. A meta da Visa Manaus é que em 60 dias todos os serviços que são alvo da ação tenham sido inspecionados e já estejam regulares.