SERVIDORES DO IPAAM SÃO PRESOS POR CORRUPÇÃO E AFASTADOS DO ÓRGÃO

//SERVIDORES DO IPAAM SÃO PRESOS POR CORRUPÇÃO E AFASTADOS DO ÓRGÃO

SERVIDORES DO IPAAM SÃO PRESOS POR CORRUPÇÃO E AFASTADOS DO ÓRGÃO

Dois servidores do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) foram presos por aplicarem uma de multa indevida de R$ 60 mil a uma empresa que estava com a documentação e licenças em dia. Eles são suspeitos de ameaçarem funcionários dessa empresa e foram denunciados por uma das funcionárias.

Eles foram identificados como o analista fiscal Francklin Ramos da Silva e o assistente técnico Uziel Sevalho da Silva. O golpe dos suspeitos estava sendo aplicado em uma empresa do ramo de concreto, que fica no bairro Tarumã. De acordo com o delegado do 20° Distrito Integrado de Polícia (DIP), os servidores foram até a empresa, disseram que havia irregularidades e pediram a quantia de R$ 5 mil para que não fosse aplicada uma multa maior.

Ainda de acordo com o delegado, essa quantia menor, seria apenas para evitar que a empresa fosse multada com maiores valores, porém não havia necessidade de multa, uma vez que a empresa estava em situação regular com órgãos públicos. Depois de denunciados, um policial civil disfarçado acompanhou o caso e flagrou os dois servidores no ato da corrupção.

Eles foram presos e devem passar por uma Audiência de Custódia. O Ipaam informou em nota que tomou conhecimento da situação e afastou os dois suspeitos. Ainda de acordo com a nota divulgada, o Ipaam disse que abriu um processo administrativo para apurar o fato do envolvimento dos dois agentes públicos.

2018-12-11T17:55:33+00:00dezembro 11, 2018|Boletim de Ocorrência|