Um homem, até o momento, identificado como Wallenberg Vieira Bello, que tinha 31 anos, foi executado com pelos menos 15 tiros quando voltava de uma padaria no bairro da Compensa, zona Oeste. De acordo com a 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), a vítima estava andando no beco da Paz, rua Natal, quando foi alvejado. Essa já é a 3ª execução em três dias seguidos.

A mãe de Wallenber, dona Francisca, foi até o corpo do filho com uma bíblia na mão. A mulher chorou sobre o cadáver dele e deu um aviso aos presentes: entregar a vida a deus. Que somente ele salva. Fica aí mais um apelo de mãe que perdeu o filho para o crime.  Conforme a dona Francisca, o filho ficou enrolando para ir comprar pão. Wallenber seria o caçula de seis filhos, quatro mulheres e dois homens. Ela também disse o quanto aconselhou o filho e o quanto pediu para ele entregar a vida a Deus. Conforme a mulher a vítima havia saído recentemente da prisão.

Após a morte dele, os muros do beco foram pichados com siglas de facções, os moradores das residências fecharam portas e janelas com medo de que os criminosos possam voltar ao local. Eles relataram que foram pelo menos 5 homens que estavam à espreita.

Até o momento, não se sabe a motivação e nem quem poderia ter cometido o crime. O corpo será removido para Instituto Médico Legal (IML),  e o caso será investigado pela Polícia Civil.

 

 

ATUALIZADO ÀS 10H34